A Lei do Amor

 In Clínica da Família

A estrutura matrimonial é legislativa. Legislar tem a ver com estabelecer leis e princípios para ordenar, funcionar e sustentar todas as coisas. Muitos estão descontentes com as instituições e estruturas sociais. A instituição política, familiar, religiosa… O que fazer? Vamos protestar! Baseados em que? Toda estrutura só funciona a partir do cumprimento dos princípios que ordenam seu funcionamento.

Questionamos o mal funcionamento de um governo, mas não aplicamos os princípios e as leis que poderiam fazer com que algumas coisas começassem a funcionar nas esferas básicas da cidadania, que nada mais é do que sua relação de direitos e deveres com a sociedade a partir da porta da sua casa. Não basta reivindicarmos direitos, temos que assumir deveres. Isso é legítimo.

Estamos falando da necessidade de compromisso em todas as esferas de relacionamento. A disfuncionalidade de uma estrutura social não legitima a negação da sua importância.

Um universo de superficialidade hedonista se abre diante de todos que procuram por experiências menos comprometedoras fora dos limites da moralidade. As leis sempre ordenaram o comportamento, agora o comportamento está determinando como devem ser as leis. Esse é o desenho de um universo invertido, fora do eixo.
Todo o universo é sustentado pelo que o profeta Jeremias chama de “Leis fixas”, elas sustentam o sol, a lua, os limites dos mares, a rotação da terra, mantem tudo em seus devidos lugares (Jeremias 31:35, Jeremias 33:25). Uma geração com problemas em sua estrutura interior acredita na possibilidade de construir um novo mundo na esfera da afetividade, romanceando o caos social, negando os princípios, até mesmo aquele que o mantém, respirando, estar vivo.

Não tem como legislar para a disfuncionalidade, legitimar a iniquidade. Estrutura de iniquidade nada mais é do que viver fora dos princípios que ordenam a vida humana e toda a criação.

Quando Gênesis 2, fala sobre o homem e a mulher está trazendo regulamentação, legislando, instituindo uma ordem para todas as gerações. O homem deixar a casa do pai e da mãe para unir-se a uma mulher é um princípio, uma lei que mantem em funcionamento a estrutura matrimonial.
Trata-se de um princípio lógico. É como de “A” + “B” = “C”. Eu era filho, me uni a uma mulher, agora sou marido. A estrutura matrimonial compromete toda minha estrutura individual. A relação sexual liga você a outra pessoa, mas apenas o entendimento do amor pactual, o senso de propósito, responsabilidade e compromisso poder unir você de fato a alguém. A relação sexual pode unir partes de você a muitas pessoas, mas nunca unir você de fato com alguém. Porque apenas o amor pactual pode fazer isso.

Sem amor, não somos nada porque não temos ninguém. O amor pactual vai além do mundo fantasioso da afetividade. A estrutura matrimonial está fundamentada no amor pactual, na relação de direitos e deveres, na promessa de uma vida inteira, uma vida toda.

Não deixe que a estrutura matrimonial seja removida da esfera da moralidade, do governo por princípios e leis espirituais para a esfera da afetividade, do sentimento, da experiência, da emoção. Não se deixe envolver com a versão romanceada do amor. Precisamos de estruturas que suportem a pressão dos últimos dias, dias em que amor de quase todos se esfriará, em que muitos deixarão de acreditar. E o amor é este: que andemos segundo os seus mandamentos. Este mandamento, como ouvistes desde o princípio, é que andeis nesse amor (2 João 1:6). Prosseguindo…. Preservando…

  • Anderson Bomfim
    Anderson Bomfim Pastor

    Anderson Bomfim natural do Estado de São Paulo, casado com Andréa Bomfim, pais da Giovanna, Olívia e Pietra Bomfim, residentes colaboradores de um presbitério local na cidade de Curitiba-PR. Fundadores da Missão Mobilização e Co-fundadores do CEIFAR-MG (Centro integrado de Formação e aperfeiçoamento para a Restauração). Desde 1999 tem procurado servir mobilizando e aperfeiçoando através de escolas modulares, conferencias e discipulado, cooperando junto com outras expressões ministeriais sobre a palavra de serem um, atuando em várias localidades com o mesmo propósito de Reino

Contate-nos

Não estamos por perto no momento. Mas você pode nos enviar um e-mail e vamos retornar o mais breve possível .

Not readable? Change text.