Torá

Introdução ao estudo da torá

No Monte Sinai, o Eterno entregou a תרה Torah que significa: direção, instrução, orientação, ensino, códigos de lei. Transmitida de geração em geração, até hoje, se divide em cinco livros divididos em 54 porções com instruções dadas pelo próprio Criador do Universo, roteiro completo de como devemos agir. Esses primeiros cinco livros além de conter os mandamentos e leis que teriam sido dadas a Moisés para que entregasse e ensinasse ao povo de Israel, constituem o texto central de ensino e revelação sobre a criação do mundo, da origem da humanidade, da promessa de uma nova descendência a Abraão e seus filhos, a libertação dos filhos de Israel do Egito e sua peregrinação de quarenta anos até a terra prometida.

Midrash

Níveis de Interpretação da Torá

  • Pshat

    Corresponde ao nível de interpretação mais básico, o significado textual. É fundamental para o aprofundamento e compreensão nos outros níveis de interpretação do texto. É uma interpretação simples e óbvia, porém indispensável. Na leitura, busca-se o significado literal de seu contexto da história, cultura, biografia, geografia, terminologias (versões e texto original), porções semelhantes, etc.

  • Rêmez

    Corresponde ao nível simbólico. Exige uma pesquisa para designar o processo de significação das figuras e ensinamentos contidos em cada palavra e versos. Traz compreensão de que aquela “folha” faz bem para determinada necessidade. Qualquer um pode comer o fruto, mas apenas quem tem conhecimento compreende para que e como uma folha pode ser usada a nível medicinal.

  • Drash

    Significa literalmente extração. Representado alegoricamente pelos galhos e seivas, que falam do que sustenta e da essência do texto. É a interpretação que traz o significado e a aplicação. Exige uma leitura ainda mais profunda para a revelação a nível prático. O que se deve buscar aqui é o ensinamento moral ou filosófico que está por trás das simples palavras.

  • Sod

    O que está oculto, um nível alcançado através da sensibilidade e dependência do Espírito para trazer revelação. É ser conduzido a uma região da árvore que antes estava escondida. Encontrar o mistério, o segredo. Sua interpretação revela os segredos da criação, os princípios que regem o universo, o entendimento de como funcionam os pilares que sustentam o visível e o invisível.

Contate-nos

Não estamos por perto no momento. Mas você pode nos enviar um e-mail e vamos retornar o mais breve possível .

Not readable? Change text.